Vestuário masculino no verão + História da gravata

20 Fev

Olá meninas,

Todo mundo por aqui tem um amigo,irmão , namorado , noivo, pai, tio ou seja lá o que for na vida não é mesmo? E dá ou não dá uma certa agonia de ver seu querido saindo para trabalhar com aquele visual que foi instituído lá em 1900 e bolinhas na Europa, diga-se de passagem um continente beeem mais frio que o nosso, no calorão aqui dos trópicos… Ok,ok, eu sei que pode ser charmoso e elegante e que os escritórios na sua maioria tem ar-condicionado, mas e na hora do almoço?E nos trajetos ida e volta?E no happy da sexta? Você lá, linda e faceira com sua regata ou camisetinha fresquinha, sapatilhas ou sandálias e calças leves como pantalonas ou até mesmo arriscando uma saia ou short mais comportado, enquanto os colegas tentam se refrescar afrouxando a gravata e abrindo o primeiro botão do colarinho.

Eu particularmente morro de dó quando vejo meu “namorido”sair de calça social, camisa, meias e sapatos fico pensando no calor que ele vai passar e o quão “medieval” é todo esse figurino.
Bom, e com essa onda de calor já vi aqui e ali algumas sugestões em matérias e artigos a favor da bermuda no trabalho, e essa semana me deparei com um site muito bacana de uns amigos cariocas que se reuniram para ajudar o pessoal a tentar liberar as bermudas nas empresas, tem até os 10 bermudamentos, que achei bem lógicos hahaha O site é o BermudaSim e tem o apoio de muita empresa bacana, que já é uma grande vitória não é mesmo?

Bermuda Sim

Mas vou dizer a peça masculina que mais me intriga mesmo é a gravata. Ela não tem serventia nenhuma (ok, colares,brincos e afins também não tem) além de enfeitar, mas acredito que andar com aquele nó no pescoço neste calorão não deve ser nada agradável, ainda mais quando é um adereço imposto por um código qualquer de vestuário, lembrando que os acessórios femininos são opcionais, a gente usa porque tem mesmo aquela alma “Carmen Miranda”né? Ninguém nos obriga.
Bom aí você vai para uma formatura, um casamento e depois de toda a formalidade onde vão parar as gravatas?Penduradas nas cadeiras ou nas cabeças dos mais animadinhos.

formatura
A gravata tem seu início na história como os “foulards”,aqueles lencinhos amarrados no pescoço, que lá pelo século II os legionários romanos usavam para enxugar o suor das suas andanças e também proteger o pescoço do sol. No século XVII, os lencinhos chegaram na França levados pelo exército Croata que era adepto do uso, e adivinhem só quem adorou o estilo? Ele mesmo, Luíz XIV, o Rei Sol, adaptando os lenços para tecidos rendados e dando mais nobreza ao adereço. Rei Sol usou, a nobreza toda ia atrás né? E o lenço rendado ou de linho no pescoço caindo em cascatas tornou-se um símbolo da nobreza da França.

Rei Sol

Já no século XIX George Brummell (falei um pouco dele num post antigo sobre a camisa branca, aqui!) começou com uma linha de trajes mais sóbrios para os homens ,instituindo assim o estilo dândi , também conhecido como os trajes dos lords ingleses, e eles usavam lenços simples no pescoço com vários tipos de amarrações mais sofisticadas.
Lord DândisCom o tempo os homens começaram a dar nós nos lenços assim como os das rédeas dos cavalos e os trocaram por fitas (o que conhecemos hoje como nós simples de gravata), e as fitas em torno do pescoço começaram a ser usadas por jovens, estudantes e militares, tanto na versão laço (hoje conhecida como gravata borboleta) quanto na versão tradicional, e essas fitas deram origem as gravatas como as conhecemos hoje em dia.

A gravata até hoje passa o ar de seriedade e formalidade além de poder (como remonta do início da sua história lá com os croatas e o Rei Sol), e é por isso que as empresas em sua maioria optam por este acessório para os seus funcionários e em especial para os de cargos mais elevados.

gravata atual (beckham)

Eu ainda acho, que pelo menos no verão brasileiro as empresas poderiam afrouxar os nós das gravatas dos nossos garotos, mas se ainda assim se fizer necessário, que tal você aprender uns nós bacanas para ajudar os homens que você conhece a incrementar um pouco a gravata do dia a dia,heim?

como dar nó de gravata

E até a semana que vem, rezando para uma chuvinha né?
Por Haldry Martarelli.

Badulakit  

Deixe seu comentário ;)

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: